\

Welcome to my blog :)

rss

sábado, 3 de outubro de 2009

O que é ser amigo?

Aproveitando...
Já falei dela em outro momento, no blog antigo que hoje não funciona mais...
Queria falar da minha graaaaaande amiga Dê.


Ela é a prova de que pra uma amizade sincera, basta apenas duas pessoas dispostas a isso.
Nossa amizade começou do nada, de uma comunidade de Orkut, sem pretenção nenhuma, falando bobagem numa madrugada qualquer... depois veio o MSN e a coisa foi engrenando, engrenando...
Nós somos do melhor tipo de amizade que existe: somos totalmente diferentes e totalmente iguais ao mesmo tempo. Temos gostos hiperdiferentes, estilos de vida diferentes, mas pensamentos parecidos e respeito iguais.
Acho que é isso que faz com que nossa amizade seja tão forte e verdadeira: o respeito.


Não importa se ela goste de metal e é super rockeira e eu não, não importa se eu gosto de Fresno, pagode, sertanejo e ela não, cada uma fica na sua, ouve o que gosta e respeita a outra, qual a dificuldade nisso?


É engraçado que em relativamente tão pouco tempo, nos tornamos tão amigas e tão íntimas, parece mentira que hoje em dia ainda exista gente disposta a uma amizade bacana, sem maiores interesses.


Dois momentos que me emocionaram dela, foi uma vez, pouco antes dela saber que estava grávida, que ela me confessou que andava sentindo ciúme das pessoas próximas, eu achei engraçado, até brinquei que ela andava muito sensível e que ela estaria esperando bebê, até que ela comentou que eu andava dando muita atenção pra outra amiga nossa, que no momento até fiquei em dúvida entre duas, mas não importa agora... outro momento foi quando ela desenhou um emoticon no msn pra que eu adivinhasse qual ela queria e eu adivinhei! E ela disse que era incrível como eu entendia e captava o que ela pensava!


Pois amizade verdadeira é assim, não importa as chatisses do outro (nós somos duas chatas de mão cheia!), não importa se os gostos são diferentes (e como são!), importa o que sentimos, a qualidade da outra pessoa, o bem que ela nos faz.


...


Fiz esse texto e parei no meio do caminho, achei que faltava algo... hoje quando venho terminá-lo, percebo o pq de eu ter parado.
Eis que a Dê comenta que tem dores fortes de estômago. Pensei poder ser do bebê, minha mãe sempre diz que sentia muita azia quando estava me esperando, pensei: 'azia, dor de estômago... tudo pode ter a ver'... Dias depois ela fica sabendo que tem pedras nos rins. De cara a gente se espanta, mas acreditei não ser grave... ela marca a operação pra sexta-feira e tudo ok.
Penso comigo: 'não sendo uma operação de risco, ela faz a cirurgia no final da manhã, algumas horas de recuperação... e a madrugada de observação, na manhã seguinte ela já está em casa.' Claro que por alguns dias ela não iria aparecer na internet, com pontos, dores, grávida... quem vai ficar sentado na frente de um computador a toa?
Até que a Aymê, na segunda-feira me pede via Twitter, se eu tenho noticias dela... e eu digo exatamente o que pensei antes, sobre não ser uma operação de risco e tal... e ela: 'não, ela passou mal e foi pra CTI, agora está no quarto, estável...'. Eu gelei quando li aquilo, não sei se me deu mais medo por ela ou pelo bebê.
Nisso ela estava bem, relativamente... até que eu entro no MSN pelo celular na quarta-feira a noite e a Aymê me chama, com a seguinte frase: 'a Dê tá na UTI'... Li aquilo, gelei novamente, eu tremia... acreditando que ela estaria melhorando... COMO? O QUE ACONTECEU? Quando entrei no msn, mais tarde, Aymê me disse que ela estaria com infecção no pâncreas. Tenho que confessar que aquela noite foi difícil dormir, chorei bastante, rezei muito... tinha até medo de entrar no msn, logo vinha a Aymê me dando as news do dia... comentei com ela, inclusive: 'tenho medo quando tu me chama, tu tem me trazido más nitícias!' aoiuheiuehoiaueh
Na quinta-feira as coisas já tinham melhorado, ela ainda permanece na UTI, porém esta melhor...até mandou recado pelo merido, me chamando de bruxa, pode? Até doente ela tem bom homor!!
Ela que melhore logo, senão vai se ver comigo!


Tudo isso, só pra dizer o quanto a Dê é importante pra mim, o quanto me faz bem conversar com ela, falar bobagem, dar risada... o quanto uma aprende com a outra... ela é minha amiga, minha irmã, minha mãe... cada hora ela se tranforma numa coisa, sempre tentando fazer o máximo pra ajudar... não sei o que eufaria sem ela, não quero nem imaginar.

Dê, eu te amo, sua bruxaaa!!! ♥

2 Ideias Novas:

luis disse...

Nossa!
Tu nem comentou isso comigo, que horrooor! Do jeito que tu gosta e te preocupa com teus amigos, imagino mesmo o quanto tu sofreu. Melhoras pra ela. =)

✿ Dê ✿ disse...

Tbm te amo muuuuuuuuito!

Postar um comentário

Agora que tu leu toda essa baboseira, tem algo pra acrescentar, opinar ou comentar? Se não xingar, pode ficar a vontade!